Pote da Calma – Saiba como fazer um


Por: Psicóloga Ane Caroline Janiro

Você já ouviu falar no “Pote da Calma”?

Tem sido muito utilizado como instrumento para tranquilizar as crianças. Quem já utilizou garante que é eficaz!
O “Calming Jar” (ou “Pote da Calma”, em tradução livre) é inspirado no Método Montessori (Pedagogia Montessoriana, criada por Maria Montessori no início dos anos 1900 para ajudar a educar crianças mais pobres em sua cidade na Itália. Leia mais neste link) e é utilizado para relaxar as crianças em momentos de agitação, estresse, desconcentração, irritação. Trata-se de um pote cheio de líquido e glitter que, ao ser agitado, funciona como ferramenta para chamar a atenção das crianças, fazendo com que elas fixem a concentração, consigam respirar fundo e se acalmar para depois então ouvir o que os pais ou professores tem a dizer. E também para fazer com que elas reflitam e tenham a criatividade estimulada.

Alguns estudos acerca do método dizem que, enquanto a criança observa o movimento do glitter no pote, consegue manter o foco, organizar e centralizar o sistema nervoso. Consegue ainda desacelerar os batimentos cardíacos e controlar a respiração. Assim, após se acalmarem, os pequenos conseguirão explicar os motivos da chateação ou frustração de forma mais clara e com as ideias mais organizadas, se expressando melhor e capazes de manter um diálogo eficaz com o adulto.

1 pote da calma 3
Foto: Pais&Filhos

 

1 pote da calma 4
Foto: Pais&Filhos

1 pote da calma 2
Foto: https://www.thestoryofthedaisies.com/

Existem algumas formas diferentes de fazer um Pote da Calma, mas vamos deixar aqui o passo a passo da forma mais simples para ser feita em casa.

Você vai precisar de:

1 Pote de Vidro com tampa (Pode ser também de plástico transparente. Fica mais seguro, inclusive);
1 ou 2 colheres (sopa) de cola glitter;
3 ou 4 colheres (chá) de purpurina;
1 gota de corante alimentar da cor desejada;
Água quente (a quantidade varia de acordo com o tamanho do pote).

Como fazer:

Adicione no pote a água quente e a cola glitter (não encha o pote completamente com a água, deixe um espaço para que a água possa ser agitada dentro dele). Mexa muito bem até que a cola glitter se dissolva totalmente na água. Logo após, adicione a purpurina e misture novamente. Por fim, adicione a gota de corante e misture mais uma vez. A tampa do pote deve ser muito bem fechada para que a criança não consiga abrir (deve-se ter cuidado para que o líquido não seja ingerido pelas crianças).

O seu Pote da Calma está pronto!

Ah, depois que utilizar, deixe um comentário por aqui dizendo o que achou da experiência!

Fontes:
– Associação Brasileira de Educação Montessoriana (ABEM)
– Doutíssima


 

 


Gostou deste conteúdo? Compartilhe utilizando um dos botões abaixo!
Cadastre-se também na opção à sua direita “Seguir Psicologia Acessível” e receba os posts em seu e-mail!

facebook_like_logo_1  Instagram-logo-full-official  twitter1 pinterest_logo


10516729_1448233238791949_8127215912485502492_n

Sobre a autora:

Ane Caroline Janiro – Psicóloga clínica, idealizadora e editora do Psicologia Acessível.
CRP: 06/119556

Sobre o Psicologia Acessível (saiba mais aqui).

44 comentários em “Pote da Calma – Saiba como fazer um”

  1. Achei maravilhoso a idéia deste pote da calma , pois vou convidar meu sobrinho neto , para juntos fazê-lo .
    Meus filhos quando pequenos estudaram na escola com o método Montessori , o qual é divino , pois se tornaram adolescentes e hoje adultos dignos e maravilhosos ! Obrigada “Maria Montessori ” pela dedicação .

    Curtir

      1. Fiz essa experiência em casa, com a água quente e a cola que já vem gliter e aconteceu a mesma coisa comigo, o líquido ficou leitoso, branco e mal se vê as miçangas e lantejoulas. Onde será que errei? Será que exagerei na quantidade de cola para a quantidade de água/o tamanho do pote (fiz com um de maionese plástico)?

        Curtir

  2. Aqui em casa além dessa versão com água fiz uma utilizando uma garrafinha de refrigerante pequena (dessas tipo pet pequetita, de plástico), miçangas variadas e óleo vegetal. Como o óleo é denso as miçangas, lantejoulas e glitter caem em uma velocidade reduzida, aumentando ainda mas as possibilidades da criança! ;)

    Curtir

Deixe um comentário (seu e-mail não será publicado)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s