Você é procrastinador?


Por: Juliana Lima Faustino 

Você é do tipo de pessoa que quando tem algo muito importante para fazer espera até o último momento para começar? É daqueles que no momento que deveria estar fazendo o relatório que o chefe pediu ou o trabalho da faculdade, ao contrário disso decide dar aquela checada nos e-mails, entrar na rede social ou assistir ao seu seriado preferido na televisão? Você acredita que sua vida se resume em planejar muito e não conseguir começar nada? Se você respondeu sim a essas perguntas você é um autêntico procrastinador.

Uma coisa é certa, todas as pessoas tem o poder de escolha, a liberdade de decidir o que fazer e quando fazer. O problema dos procrastinadores é que eles querem fazer tudo, menos sair de sua zona de conforto, o lugar em que eles se divertem e não precisam se esforçar para criar nada que seja novo. “Se algo pode ser feito depois, porque não?” Eles pensam.

Não que os procrastinadores não sejam capazes de cumprir prazos, eles cumprem, mas nunca obtêm o resultado desejado. Ao deixarem tudo para a última hora, se assustam com a pressão do tempo e fazem tudo na correria, sem empenho ou cuidado. Por consequência, sem que tenham consciência, confirmam suas piores crenças a respeito de si. Procrastinadores comumente se veem como fracassados e inúteis, vivem em meio a sentimentos de culpa e ódio de si mesmo, não encontrando motivação para realizar qualquer coisa que planejam.

Se considerarmos os planos a longo a prazo, a situação é ainda pior, sem ter um prazo estabelecido que os pressione a colocar em prática suas metas, os procrastinadores vivem de adiar planos, tais como viajar, fazer atividade física, mudar de emprego ou terminar um relacionamento. Geralmente essas pessoas sofrem de uma profunda angústia interior, pois são expectadoras da própria vida, elas usam o tempo que teriam para trabalhar em suas metas para se engajarem em tarefas que não são prioridades e que apenas proporcionam prazer momentâneo.

Já que todos têm poder de escolha, já que todos têm a liberdade de decidir o que fazer com o tempo que possuem e já que todos têm o potencial de ser autor da própria história, por que algumas pessoas procrastinam? A resposta está justamente em saber escolher, simples assim! Nesse momento, por exemplo, eu poderia estar fazendo qualquer outra coisa, mas escolhi estar aqui escrevendo este texto porque é minha prioridade no momento, eu poderia escolher deixar para depois, é claro, mas correria o risco de perder a inspiração e ideias que estou tendo nesse exato momento. A questão é a prioridade que damos a cada coisa que vamos fazer, enquanto você achar que fazer qualquer outra coisa é melhor do que estar engajado em tornar seus sonhos reais, você vai viver acreditando na mentira de que uns já nascem com sorte enquanto outros nascem pra se conformar em ver a sorte dos outros.

Quando vemos alguém que conquistou seus sonhos, podemos imaginar que aquela pessoa deu sorte ou que já era seu destino. Mas a verdade é que sonhos não nascem prontos, ninguém de repente acorda com seu sonho batendo na porta. Você vai ter que escolher, dia após dia, o que fazer para que se aproxime cada vez mais da sua meta, e isso significa construir metas menores a cada dia, como se fossem degraus que a cada passo te levam cada vez mais perto do topo. Só que a cada vez que você escolhe dar uma paradinha em frente à televisão ao invés de subir um degrau, vai parecer cada vez mais impossível chegar até ao topo, e você se sentirá cada vez mais desmotivado a subir o próximo degrau. Enquanto você está parado no caminho apenas vai assistir aos outros subindo e alcançando o topo da escada antes de você e acreditando na mentira de que você não é como eles, quando na verdade você apenas fez a escolha de não subir o degrau.

Temos tanta liberdade que às vezes não sabemos o que fazer com ela. Estamos cercados de muitas outras coisas que vão tentar nos distrair, nos tirar do foco, mas todos os dias nós temos a oportunidade de escolher assumir o controle, caso contrário, iremos colocar a culpa dos nossos fracassos nos outros, nas circunstâncias, na vida e ficaremos passando nossos dias pensando “o que vida fez comigo?” quando a pergunta certa é “o que eu fiz com a minha vida?”. Mas o bom é que enquanto estamos vivos, nunca é tarde para mudar, o hoje é momento que você precisa para assumir o controle da sua vida.

Então escolha, escolha parar de procrastinar, escolha realizar aquele projeto que você está adiando há anos, pense nos pequenos passos que você pode dar até eles, faça uma lista, escreva cada pequena meta, estabeleça um prazo para cada uma delas, anote suas prioridades, organize seu dia, faça uma agenda com seus compromissos, marque o dia e o horário para realizar cada tarefa. Lembre-se você só vai realizar os seus planos se comprometer-se com eles. Não se sabote, assuma o controle, só depende de você.

Colunista:

Juliana Lima Faustino
CRP 05/43780

Psicóloga clínica (PUC-Rio 2008), terapeuta cognitivo-comportamental (Cepaf-RJ 2011), Psicóloga na ONG Pra Melhor. Experiência clínica no tratamento de transtornos de ansiedade, estresse, depressão, relacionamentos e transtornos alimentares.
Contatos:
Cel: (21) 98108-1978
E-mail: julianafaustinopsi@gmail.com
Fan Page: www.facebook.com/julianafaustinopsicologa
Blog: Cuidando das Emoções: www.psijulianafaustino.wordpress.com
Instagram: www.instagram.com/psico_juliana

Imagem: Pinterest  


*Ao reproduzir este conteúdo, não se esqueça de citar as fontes.


Gostou deste conteúdo? Compartilhe nas redes sociais!
Cadastre-se também na opção “Seguir Psicologia Acessível”e receba os posts em seu e-mail!


PNG - ONLINE IMAGE EDITOR - Copia.png

Sobre o Psicologia Acessível (saiba mais aqui).

8 opiniões sobre “Você é procrastinador?”

  1. Que esse assunto seja muito interessante, porque me ajudou a aprender como assumir controle sobre tudo, ou seja, assumir planejamento de tudo. Até hoje de momento, sou autenticamente procrastinador, porque sempre tenho os trabalhos acadêmicos para fazer, mas como de meu costume sempre deixa pra depois, achando que dá pra fazer no último momento, mas a situação minha foi sempre péssima.
    Obrigado por me aconselhar.
    Att.

    Curtir

Deixe um comentário (seu e-mail não será publicado)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s