TDAH na fase adulta


Por: Camila M. Fernandes

Durante anos, acreditava-se que o TDAH era um transtorno limitado apenas a crianças e adolescentes, porém hoje, sabe-se que o transtorno pode persistir até a fase adulta. Entretanto, geralmente começa antes dos 16 anos de idade.

O TDAH (Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade) é um transtorno de desenvolvimento.

Os transtornos de desenvolvimento tem início justamente no período em que o ser humano está se desenvolvendo, ou seja, na infância. Tem como características déficits que podem gerar prejuízos em algumas áreas da vida da criança, como pessoal, social, acadêmica e profissional.

O TDAH afeta o desenvolvimento e o engajamento das pessoas, em qualquer momento de sua vida. Sua causa é multifatorial, envolvendo fatores genéticos e ambientais.

Na fase adulta, a pessoa pode apresentar baixa auto estima, pois costuma chegar nessa etapa da vida sem atingir alguns de seus objetivos, principalmente no que se refere à área acadêmica. Podendo, muitas vezes, repetir de ano na escola ou, encontrar muitas dificuldades e até desistir de cursar uma faculdade ou de conquistar as metas profissionais desejadas.

Adultos sem o tratamento adequado do transtorno podem encontrar dificuldades em permanecer no mesmo emprego ou conquistar cargos mais altos em suas empresas.

Como o TDAH afeta inúmeros setores da vida da pessoa, as relações afetivas também podem ser prejudicadas. Podendo apresentar dificuldades em manter ou lidar com relacionamentos.

A seguir, mostrarei algumas sintomas que são frequentemente encontrados em adultos com TDAH:

– dificuldade em seguir rotinas;

– maior incidência de divórcios;

– instabilidade profissional;

– falta de foco e atenção;

– maior incidência de acidentes de trânsito;

– maior índice de desemprego;

– maior número de desistência da Faculdade;

– esquecimento de datas e reuniões importantes.

Muitas vezes é difícil lidar com o TDAH, mas é possível através de estratégias tanto na vida profissional como pessoal, que ajudar para que o dia a dia seja mais prático, fazendo com que a pessoa não tenha a sensação de que ter TDAH é o fim do mundo. Para isso, darei 2 dicas importantes:

1) Organize-se:

Use agenda, seja física ou no celular pra ajudar a organizar horários e compromissos, qualquer compromisso, seja ele profissional ou pessoal. Faça listas de tudo o que precisa fazer. Essa lista pode ser feita semanalmente ou diariamente.

2) Administre seu tempo

Defina prioridades, para fazer primeiramente o que é mais importante e depois os itens de menor importância. Crie uma rotina diária, como tempo para ler e-mails, tempo para pagar contas, tempo para relaxar. Estabelecendo essa rotina, fica mais fácil para organizar tudo o que precisa ser feito. Use alarmes para se lembrar dos compromissos.

E aprenda a fazer uma tarefa por vez, tentar fazer tudo ao mesmo tempo só aumenta a sensação de que nada foi feito. Então é necessário executar uma coisa de cada vez.

O TDAH precisa ser tratado, tanto com medicação como com a psicoterapia.  Por isso, se perceber alguma dessas características que tem atrapalhado a sua vida, procure ajuda! E seguir algumas dessas dicas para facilitar seu dia a dia pode fazer com que suas tarefas rendam mais, e com que você se sinta melhor.

Fonte: http://www.tdah.org.br

Imagem capa: Pinterest

Colunista:

Camila M. Fernandes 
CRP: 06/109118

Psicóloga Clínica. Formada pela Universidade São Judas Tadeu. 
Aprimoramento Clínico na Abordagem Cognitiva pela Universidade São Judas Tadeu.
Atendimento no Tatuapé, Zona Leste de São Paulo-SP
Contatos:
E-mail: psico.camilamartins@gmail.com
Facebook.com/psicocamilafernandes

*Ao reproduzir este conteúdo, não se esqueça de citar as fontes.


Gostou deste conteúdo? Compartilhe nas redes sociais!
Cadastre-se também na opção “Seguir Psicologia Acessível”e receba os posts em seu e-mail!


PNG - ONLINE IMAGE EDITOR - Copia.png

Sobre o Psicologia Acessível (saiba mais aqui).

Deixe um comentário (seu e-mail não será publicado)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s