Arquivo da categoria: Convivência/Sociedade

10 Atitudes que podem mudar a vida da sua família em 2018


Por: Daniela Knapp 

Todos os dias é possível fazer alguma coisa para melhorar a vida em família. Sabemos que a vida em família nem sempre é fácil, mas com determinação, atitude e perseverança é possível alcançar resultados profundos e duradouros de bem-estar, melhoria nos relacionamentos e saúde emocional.

Que tal começar com esses 10 passos?

1. Aceite sua família do jeito que ela é

Aceitar sua família não quer dizer que você vai ignorar seus defeitos. Pelo contrário, aceitar é um ato de conhecer sua família ao ponto de entender exatamente seus pontos negativos e positivos. Ao entender como a sua família funciona você pode trabalhar para potencializar aquilo que ela tem de melhor, ajudando cada um de seus membros a desenvolverem suas qualidades, ao invés de somente criticar e apontar seus defeitos. Você já elogiou de maneira sincera alguém da sua família hoje?

2. Admita seus erros

Errou? Peça desculpas. Exigir menos de você e de sua família, além de aceitar que todos cometem erros é o caminho para aliviar a pressão dentro de casa. Mas cuidado! Os erros e defeitos precisam ser trabalhados todos os dias para serem superados, isso significa que depois de pedir desculpas você precisa agir para melhorar as coisas.

3. Seja honesto com você

A autoanálise é importantíssima para que você perceba quem você realmente é. E nada melhor do que as pessoas que convivem com você para te ajudarem nessa jornada. Refletir sobre suas atitudes, conceitos e pensamentos ajudará você a se perceber e mudar aquilo que está te atrapalhando nos relacionamentos dentro da sua família. Preste atenção no feedback que você tem recebido do seus familiares, será que eles não tem um fundo de razão?

4. Viva o presente

Pensar somente no futuro e não viver o presente pode causar muita ansiedade e te impedir de desfrutar a vida em família. É necessário deixar o futuro no lugar dele e se concentrar no presente, desta forma, você vai aprender a tirar proveito de cada fase que sua família está vivendo.

5. Valorize o que sua família tem

Geralmente as pessoas dão muito valor às suas conquistas logo quando as alcançam, mas com o passar do tempo acabam esquecendo delas. Lembre-se de valorizar sempre o que você e sua família já alcançaram. Se você e sua família não valorizam aquilo que já tem, quando vocês chegarem onde almejam, isso também não vai satisfazer vocês.

6. Assuma as responsabilidade pela suas escolhas

Só você pode realmente definir o que é importante para você. Delegar essa função para outra pessoa pode te livrar momentaneamente da culpa se algo der errado, mas lembre-se que o fato de você não decidir e delegar essa função para outra pessoa também é uma escolha. Não culpe as pessoas da sua família por suas frustrações e erros. Também não justifique o que tem feito de errado como uma resposta a algo que outra pessoa tem feito a você. Se responsabilizar pelas suas atitudes e escolhas é um ato de coragem e maturidade.

7. Aprenda com os erros

Seja tolerante com você e com sua família. Aceitar os erros e agir te ajudará muito mais do que ficar se lamentando. À medida que você se lamenta, permanece na mesma escolha. Além disso, os erros podem servir de aprendizado e recursos para a próxima empreitada.

8. Enfrente os problemas da sua família

Não fuja nem empurre os problemas da sua família! É hora de encarar eles de frente. Você não precisa resolver tudo de uma hora para outra, uma vez que se livrar de um problema nem sempre é tão simples. Comece devagar, mas faça algum esforço, nem que seja pequeno. Quando você menos esperar tudo estará resolvido.

9. Perdoe mais

É obvio que muitas vezes você vai se machucar, ainda mais quando se trata de vida em família. Mas você pode escolher perdoar e se livrar desse rancor de uma vez por todas. Quando você nega perdão acaba ficando amarrada à pessoa que te machucou. Essa pessoa talvez nem lembre da situação, mas você que não perdoou lembra dela todos os dias, não é verdade? Perdoar é a escolha mais inteligente que você pode fazer por você mesmo. Siga em frente!

10. Demonstre amor

Querer o bem do outro e deixar o egoísmo de lado pode ser muito benéfico para a vida em família. Isso significa demonstrar afeto e amor, cuidando, ajudando e evitando fazer aquilo que desagrada. Quem ama sempre quer fazer o seu melhor para o outro.

Imagem capa: Stocksnap.io

Colunista:

Daniela Knapp
CRP 08/16950

Psicóloga Clínica e Coach de Mulheres
Formada pela Universidade Federal do Paraná
Atende em Curitiba – PR
Contato:
Site: www.realmentemulher.com.br
Facebook.com/realmentemulher
E-mail: psicologadanielaknapp@gmail.com

*Ao reproduzir este conteúdo, não se esqueça de citar as fontes.


Gostou deste conteúdo? Compartilhe nas redes sociais!
Cadastre-se também na opção “Seguir Psicologia Acessível”e receba os posts em seu e-mail!


PNG - ONLINE IMAGE EDITOR - Copia.png

Sobre o Psicologia Acessível (saiba mais aqui).